Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

USO DE SUBGALATO DE BISMUTO COMO ADJUVANTE NA RECUPERAÇAO DO LEITO DOADOR DE MUCOSA JUGAL PARA ENXERTOS EM URETROPLASTIAS SUBSTITUTIVAS

Resumo

Introdução: O uso do subgalato de bismuto (SGB), há muito conhecido como absorvente, adstringente e hemostático por ativar o fator XII da coagulação e a via intrínseca, é amplamente utilizado em tonsilectomias e atualmente também indicado para hemostasia em áreas doadoras de enxerto gengival livre, tem sua administração empregada de forma rotineira em nosso serviço nas áreas doadoras de mucosa oral em cirurgias de uretroplastia.
Objetivos: Demonstrar a partir de parâmetros clínicos a recuperação das áreas doadoras do enxerto de mucosa jugal (EMJ) e rápida reabilitação dos pacientes após utilização do SGB na ferida operatória.
Métodos: Avaliação prospectiva de seis pacientes submetidos a uretroplastia substitutiva com EMJ operados no serviço de Urologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo no período de agosto de 2018 a fevereiro de 2019, nos quais aplicou-se no intra-operatório pasta de SGB (10 g de pó de SGB diluídos em 1 mL de soro fisiológico 0,9%) sobre a área cruenta da ferida bucal, imediatamente após obtenção do EMJ. Os pacientes foram mantidos com SGB sobre a área doadora por 90 minutos, com gaze embebida em soro fisiológico 0,9% sobre o leito recoberto da substância. Foi aplicado para todos os casos a mesma técnica de obtenção do EMJ e método de avaliação, realizados por um mesmo cirurgião. O questionário de avaliação do local da retirada do EMJ e de reabilitação dos pacientes incluiu os parâmetros: idade, etiologia da estenose, tamanho do EMJ, parestesia, dor, dificuldade de se alimentar, sangramento, necessidade de re-intervenção hemostática e complicações pós-operatórias.
Resultados: Macroscopicamente o padrão de contração das feridas foi satisfatório, sem complicações pós-operatórias. Os demais parâmetros avaliados mostraram números promissores para as feridas tratadas com SGB, com reabilitação precoce dos pacientes e sem necessidade de re-intervenção hemostática.
Conclusões: O SGB é biocompatível aos tecidos e parece atuar como adjuvante na recuperação do leito doador para EMJ, ao apresentar uma área extensa de tecido de granulação pela presença física do material, podendo ser indicado como hemostático, sem aparente efeito inibidor significado sobre o processo de reparação. São necessários trabalhos prospectivos em humanos e com grupos controle para estabelecer de forma definitiva a real influência do SGB como adjuvante na recuperação do leito doador para EMJ a médio e longo prazos.

Palavras Chave ( separado por ; )

subgalato de bismuto; galato de bismuto básico; uretroplastia com enxerto; mucosa oral

Área

Trauma / Uretra / Urologia Reconstrutora

Instituições

Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo / HCFMRP-USP - Sao Paulo - Brasil

Autores

Sergio Franca de Souza Filho, Marcelo Pires de Campos Linardi, André Antônio Batista, Pedro Lugarinho Menezes, Thadeu Baraldi Ferreira , Thiago Henrique Caetano da Silva, Henrique Donizetti Bianchi Florindo, Silvio Tucci Junior, Wanderson Pereira de Andrade, Alan Cantalabio Costa