Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

ALTERAÇOES NUMERICAS E VOLUMETRICAS DAS CELULAS DE LEYDIG E NO ENVELHECIMENTO DE RATOS

Resumo

Resumo:
As células de Leydig são responsáveis pela produção de testosterona e sofrem os efeitos deletérios do envelhecimento. Com o avançar da idade, ocorre diminuição na esteroidogênese por alterações celulares ainda pouco conhecidas.

Objetivos: Analisar os efeitos do envelhecimento sobre o volume nuclear, citoplasmático, volume total e o número absoluto das células de Leydig nos testículos de ratos.

Material e métodos: Selecionados 72 ratos machos Wistar, aleatoriamente divididos em seis grupos com 12 roedores cada. Os animais foram submetidos à orquietomia direita aos 3, 6, 9, 12, 18 e 24 meses de vida. Foram avaliados o peso e o volume do testículo direito. Realizado estudo estereológico das células de Leydig com medidas do volume nuclear, citoplasmático, volume total e contabilizado o número destas células.

Resultados: O peso e o volume dos testículos apresentaram variações que acompanharam o desenvolvimento corporal dos ratos. O volume nuclear apresentou redução no grupo de ratos com 24 meses de vida. O volume citoplasmático e o volume total das células de Leydig apresentaram reduções significativas nos ratos mais idosos (18 e 24 meses). Não houve redução na contagem das células de Leydig.

Conclusão: O envelhecimento nos ratos causou alterações nas células de Leydig, caracterizadas pela redução do volume nuclear, citoplasmático e total. Não houve variação numérica destas células.


Palavras Chave ( separado por ; )

Envelhecimento; Ratos; Testículo; Células de Leydig; Estereologia; Hipogonadismo; Testosterona

Área

Ciência Básica

Instituições

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ - Parana - Brasil

Autores

Bruno Vinicius Duarte Neves, Marcelo Zeni, ROGÉRIO DE FRAGA, FERNANDO LORENZINI, DJANIRA VERONEZ, EDUARDO FELIPE MELCHIORETTO, GABRIELA DUARTE NEVES, EDUARDO PEREIRA MIRANDA