Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

Técnica alternativa de reversão de vasectomia em hospitais sem microscópio

Resumo

INTRODUÇÃO:
A reversão de vasectomia é realizada em 3 a 4% dos pacientes submetidos a vasectomia. A técnica mais utilizada atualmente utiliza ampliação microscópica. Desde a primeira descrição da cirurgia por O’Conor, diversas técnicas foram implementadas. Neste trabalho, demonstraremos nossa experiência inicial com o uso da técnica sem aumento microscópico.
OBJETIVOS:
Demonstrar uma alternativa eficaz para a realização de vasovasostomia em serviços que não desponham de microscópio.
MATERIAIS E MÉTODOS:
As cirurgias foram realizadas no Hospital Universitário Pedro Ernesto, Rio de Janeiro, sob raquianestesia. A técnica cirúrgica consiste em incisão longitudinal escrotal bilateral utilizando lupa com 4x de aumento. A vasovasoanastomose foi realizada com polipropileno 7.0 em seis pontos, plano único total. A duração média do procedimento foi de 150 minutos.
RESULTADOS:
Foram realizadas onze cirurgias em um período de doze meses. Dez destes pacientes (91%) apresentaram espermatozoides no espermograma pós-operatório, demonstrando sucesso do procedimento. Dentre os pacientes com sucesso da reversão, cinco obtiveram gestação.
CONCLUSÃO:
Apesar da técnica com aumento microscópico ter melhores resultados, o procedimento com lupa mostrou-se uma opção com taxa de sucesso significativa.

Palavras Chave ( separado por ; )

reversão; vasectomia; infertilidade; vasovasostomia; microscópio

Área

Disfunção Sexual

Instituições

Hospital Universitário Pedro Ernesto - Rio de Janeiro - Brasil

Autores

MARINA RAMIRES ALONSO COSTA, MOISES BORGES FONSECA CAPELLO TEIXEIRA, RAPHAELA ALMEIDA GAZZOLI, BRENO AICHI SANTIAGO GONÇALVES GOUVEA, JUAN PABLO SUAREZ BARBERAN, MARINA CARRIELLO MULULO, CAIO HENRIQUE LUCIO CARRASCO, JOÃO LUIZ SCHIAVINI, HELCE RIBEIRO JULIO JUNIOR, RONALDO DAMIÃO