Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

TRATAMENTO VIDEOLAPAROSCOPICO DE COMPRESSAO VENOSA SINTOMATICA SECUNDARIA A LINFOCELE PELVICA

Resumo

INTRODUÇÃO: A linfocele é a complicação mais comum após linfadenectomia pélvica associada a prostatectomia radical. Porém a literatura mostra que apenas 4% das linfoceles são sintomáticas. Os sintomas, quando presentes, são: dor local e em membro inferior, edema de membros inferiores, compressão vesical, febre, edema genital e trombose venosa profunda. O tratamento das linfoceles sintomáticas ou de maior volume é feito através da drenagem cirúrgica ou percutânea.
CASO: No presente estudo apresentamos um paciente de 63 anos de idade, sem comoborbidades, submetido a prostatectomia radical videolaparoscópica em abril de 2018, por apresentar um adenocarcinoma de próstata Gleason ISUP 3, estadio patológico pT3aN1, submetido a radioterapia adjuvante e terapia antiandrogenica por 4 meses, mantendo seguimento trimestral com a Urologia. O Paciente procurou o serviço de emergência de nosso Hospital Universitário, em abril de 2019, com queixa de dor em fossa ilíaca esquerda, febre e edema de membro inferior esquerdo. Realizou tomografia computadorizada de abdome e pelve que evidenciou coleção organizada, encapsulada, em topografia de vasos ilíacos externos à esquerda, com volume estimado de 80ml, associado à compressão de veia ilíaca externa sem janela para punção e realização de drenagem percutânea guiada. Indicado antibioticoterapia com Metronidazol e Ceftriaxona e drenagem videolaparoscópica. Durante o ato operatório, conforme demonstrado em vídeo, foram evidênciadas alterações actínicas (aderência entre sigmoide e bexiga, espessamento peritoneal difuso e friabilidade de tecidos perivesicais). Identificada a linfocele em pelve a esquerda com espessamento capsular, realizada a marsupialização videolaparoscópico e interposição de omento para manutenção da janela peritoneal. O Paciente evoluiu com resolução da dor e do edema de MIE e encontra-se em acompanhamento ambulatorial sem novas intercorrências.

Palavras Chave ( separado por ; )

Linfocele; Tratamento cirúrgico; Videolaparoscopia; complicação prostatectomia

Área

Uro-oncologia

Instituições

COMPLEXO DO HOSPITAL DE CLÍNICAS DA UFPR - Parana - Brasil

Autores

LYDIO BARBIER NETO, MANOEL ANTONIO GUIMARÃES, LUIZ SÉRGIO SANTOS, MARCELO MANGINI, RODRIGO KRIEGER MARTINS, DANIEL ELIAS CARARA, LUCIANO RICARDO SFREDO, IVAM VARGAS MARTINS SILVA