Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

MICROBIOMA BACTERIANO DE HOMENS COM SINTOMAS DO TRATO URINARIO INFERIOR

Resumo

O microbioma urinário foi apenas recentemente descrito, e suas possíveis relações com estados de saúde e doença ainda estão sob investigação. É razoável supor que anormalidades funcionais do trato urinário inferior, como hiperatividade do detrusor ou obstrução infra-vesical, possam levar a alterações no microbioma urinário. Este estudo tem como objetivo descrever o microbioma urinário de homens com sintomas do trato urinário inferior (LUTS).
Foram selecionados prospectivamente 12 homens agendados para realizar estudo urodinâmico como ferramenta para investigação de LUTS. Também foram coletados dados sobre PSA, volume da próstata, questionários IPSS e OAB V-8 e presença de hiperatividade detrusora no estudo urodinâmico. Todos os pacientes apresentavam urocultura convencional negativa e tiveram sua urina coletada através de cateterismo vesical asséptico, realizado no início do estudo urodinâmico. Sequenciamento parcial do gene 16S rRNA foi realizado para identificar o microbioma urinário, que foi então comparado com os outros parâmetros de interesse.
Todos os pacientes apresentavam IPSS moderado ou severo. Não foi encontrada correlação estatisticamente significativa entre nenhuma das características estudadas e a composição, abundância ou diversidade do microbioma. Na avaliação qualitativa do microbioma, 8 das 12 amostras (66,6%) apresentaram predomínio (> 80% das leituras) de um único phylum. Os phila mais prevalentes foram Proteobacteria (10/12 amostras), Firmicutes (9/12 amostras) e Actinobacteria (8/12 amostras).
Portanto, o microbioma urinário de homens com LUTS tende a apresentar baixa diversidade, compatível com disbiose. No entanto, a composição, diversidade ou abundância não foram relacionados aos sintomas avaliados pelos questionários ou outras características dos pacientes. Outros estudos com um número maior de pacientes e parâmetros urodinâmicos adicionais seriam interessantes para se obter evidências definitivas desse padrão.

Palavras Chave ( separado por ; )

Microbioma urinário; Sequenciamento genético 16s rRNA; Sintomas do trato urinário inferior (LUTS); Urodinâmica

Área

Ciência Básica

Instituições

SANTA CASA DE PORTO ALEGRE - Rio Grande do Sul - Brasil

Autores

Alexandre Fornari, Paulo Guilherme Markus Lopes, Michele Bertoni Mann, Ana Paula Muterle Varela, Jeverson Frazzon, Pabulo Henrique Rampelotto, Ernani Luis Rhoden