Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

TAXAS DE MORTALIDADE POR CANCER DE PROSTATA, BRUTAS E AJUSTADAS POR IDADE, PELAS POPULAÇOES MUNDIAL E BRASILEIRA DE 2010, POR 100.000 HOMENS, BRASIL, ENTRE 1979 E 2015

Resumo

Introdução: o câncer de próstata é considerado o segundo mais comum na população masculina em todo o mundo e ocupa a 15ª posição em mortes por câncer, em homens, representando cerca de 6% do total de mortes por câncer no mundo1. Em 2012, de acordo com a última estimativa mundial, cerca de 1 milhão de novos casos são esperados para essa neoplasia e aproximadamente 70% dos casos diagnosticados ocorrem em regiões mais desenvolvidas1. Objetivos: descrever as taxas de mortalidade por câncer de próstata, brutas e ajustadas por idade, pelas populações mundial e brasileira de 2010, por 100.000 homens, Brasil, entre 1979 e 2015. Método: estudo epidemiológico descritivo, ecológico, em série temporal a partir de dados obtidos no Atlas On-line de Mortalidade por câncer do Instituto Nacional de Câncer (INCA). Os dados de taxa de mortalidade relativos à neoplasia maligna de próstata representados pelo código CID-10 C61. Os critérios de inclusão foram pacientes com idade entre 0 até 80 anos ou mais no período de 1979 - 2015 no Brasil. Variáveis analisadas: faixa etária, número total de óbito, taxa bruta, taxa do padrão mundial e taxa do padrão do Brasil. Resultados: foram registrados 268.058 óbitos por neoplasia de próstata entre os 37 anos analisados. Ao analisarmos a idade com maior prevalência de acometimento no câncer de próstata, evidenciamos que os pacientes entre 70 e 79 anos (37,55%) são os mais acometidos, seguidos das idades entre 80 anos ou mais (37,04%) e entre 60 e 69 anos (19,36%). A comparação das taxas de populações mundial e brasileira de 2010, por 100.000 homens evidenciaram: taxa bruta de 9,16; taxa padrão mundial de 11,94 e taxa padrão Brasil de 14,25. Conclusão: estudos evidenciaram que a maioria dos cânceres de próstata são diagnosticados em homens acima dos 65 anos, sendo que somente menos de 1% é diagnosticado em homens abaixo dos 50 anos. Todavia, nossa análise das taxas de mortalidade por câncer de próstata, evidenciou que pacientes entre 70 e 79 anos são os com maiores prevalências e que a taxa de mortalidade por câncer de próstata brasileira (14,25) é superior à taxa mundial (11,94) ao analisar 268.058 pacientes.

Palavras Chave ( separado por ; )

câncer de próstata

Área

Uro-oncologia

Instituições

Acadêmicos do curso de Medicina do Centro Universitário de Brasília (UniCeub) - Distrito Federal - Brasil, do Instituto Hospital de Base do Distrito Federal (IHBDF) - Distrito Federal - Brasil

Autores

Luiz Carlos Araújo Souza , Vinícius Carvalhêdo Cunha , Hugo Oliveira Figueiredo Cavalcanti , Carlos Hirokatsu Watanabe Silva , Rafael Francisco Alves Silva, Sandra Lúcia Branco Mendes Coutinho