Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

PET-CT PSMA-GALIO-68 NA AVALIAÇAO DE PACIENTES COM CANCER DE PROSTATA E ENFASE NA RECIDIVA BIOQUIMICA – EXPERIENCIA INICIAL.

Resumo

Introdução: o PET-CT com PSMA-68Ga representa uma das principais ferramentas na avaliação de recidiva bioquímica do câncer de próstata (CaP). O radiofármaco (RF) é composto pelo PSMA, antígeno de membrana específico, ligado ao isótopo radioativo gálio-68. O antígeno está presente nas células tumorais e portanto também nas células metastáticas, permitindo a sua detecção com alta acurácia e excelente correlação laboratorial e anatomopatológica. Objetivos: descrever série de casos da experiência inicial de um serviço da rede pública com pacientes com CaP submetidos ao PET-CT com PSMA-68Ga. A sua realização terá duração de 1 ano e o RF será obtido através de doação por empresa privada. Resultados: 15 pacientes foram referenciados por serviços de uro-oncologia da rede pública ao AME Barradas, em São Paulo, para realização do PET-CT com PSMA-68Ga, com consentimento informado. O estudo foi realizado 1 hora após a injeção do RF em equipamento Discovery LS GE, com imagens tardias após hidratação e administração de diurético intravenosos, realizados de acordo com a avaliação médica, em média 2 horas após a injeção do RF. Não foi administrado o meio de contraste iodado intravenoso. 13 pacientes (86,6%) foram submetidos ao exame devido à recidiva bioquímica, 1 (6,7%) para estadiamento primário com tumor de alto risco e 1 (6,7%) para reestadiamento. Foram detectadas lesões neoplásicas em 7 pacientes (46,7%), 7 exames foram negativos (46,7) e 1 (6,6%) indeterminado. O nível de PSA total dos pacientes com exames positivos variou entre 0,32-165,46 ng/mL e o dos negativos entre 0,03 e 0,4 ngdL. Nos casos direcionados para estadiamento, além da lesão primária, foram pesquisados: envolvimento das vesículas seminais, da bexiga urinária, envolvimento linfonodal locorregional e metástases à distância. No reestadiamento, foi observada a atividade do comprometimento ósseo pré-existente; outras lesões ósseas e envolvimento linfonodal foram detectados adicionalmente aos achados dos exames convencionais.A lesão indeterminada se tratava de um linfonodo de reduzidas dimensões com tênue avidez pelo PSMA-68Ga em paciente com PSA total de 0,26ng/mL. Foi detectado comprometimento ósseo e linfonodal à distância em 2 (13,4%) pacientes com recidiva bioquímica com níveis de PSA total de 49,9 e 16,67ng/mL. Conclusões: a experiência inicial demonstrou o potencial do método na avaliação dos pacientes com CaP nos cenários descritos, com impacto na conduta e relação dos achados com o PSA total.

Palavras Chave ( separado por ; )

PET-CT; PSMA-68Ga; câncer de próstata.

Área

Uro-oncologia

Instituições

AME BARRADAS - Sao Paulo - Brasil

Autores

ANNA CAROLINA BORGES DA SILVA, FÁBIO SILVA LEWIN, POLIANA FONSECA ZAMPIERI, GABRIELA HAE YOUNG OH, SHLOMO SILVA LEWIN, SHIRLENE TETTMANN ALARCON, BEATRIZ SILVA LEME, RAFAEL RIBEIRO MADKE, RONI DE CARVALHO FERNANDES, DEUSDEDIT CORTEZ VIEIRA DA SILVA